OK
Caetano de Campos: A escola que mudou o Brasil

  • Sexta-Feira, 27 de Janeiro de 2012
    Manuel Ciridio Buarque- Intercambio de alunos para os Estados Unidos em 1915 e introdutor da Lngua Portugusa na Universidade de Columbia
  • Manuel Ciridião Buarque:

    Prestem atenção na importância deste professor do Caetano de Campos:

    Nasceu em 2 de janeiro de 1860 na cidade de Maragogi, no Estado de Alagoas.Chegou no Rio de Janeiro em 1882 e foi professor de Português na Escola Normal do Distrito Federal .
    Em 1889 veio para São Paulo para substituir o prof. Dr. João Kopke na direção do Colégio Neutralidade.
    Foi convidado em 1890 por Caetano de Campos para assumir a cadeira de Psicologia na Escola Normal, onde lecionou por 30 anos.
    Em 1915 fez uma pausa e viajou para os Estados Unidos com a finalidade de encaminhar estudantes brasileiros às escolas americanas, abriu então  o “Brazilian Bureau of American Education”com o objetivo de incentivar as relações culturais entre o Brasil e os EEUU , ou seja, criou assim um sistema de intercâmbio de alunos, o primeiro que se tem notícia no país.
    Foi então convidado pelo diretor da Columbia University e sob os auspicios da “Pan American Division”a fundar o primeiro curso de Português a fim de difundir nossa  Língua aos norte –americanos.
    Fundou em São Paulo com sua filha Mary a primeira escola Montessori no Brasil.
    Mary escreveu vários livros infantis, além de ser a primeira mulher a ter um programa na rádio: era o programa infantil "Pequenópolis". Ela foi autora de várias músicas, além de dar aulas de violão, foi professora de Inesita Barroso que estudou a vida inteira na Escola.


    Mais dados da sua biografia:


    Filho de Francisco de Borgia Buarque e de D. Rita de Cássia Buarque, fez seus estudos preparatórios na cidade de Recife, Pernmbuco, matriculando-se mais tarde na faculdade de Direito desta cidade, cujo curso abandonou.
    Aos 22 anos de idade, em 1882, chegou ao Rio de Janeiro, onde lecionou Português no Colégio Menezes Vieira, e Geometria na Escola Naval.
    Entrou com concurso como lente no Colégio Pedro II, porém o Imperador nomeou-o lente de Pedagogia na Escola Normal do Distrito Federal ( na época no Rio de Janeiro), cargo mais de acordo com a sua vocação.
    Em 1889 veio para São Paulo pra substituir o diretor do Colégio Neutralidade ( do diretor e dono João Kopke) a casou-se com a educadora Brasilia Marcondes, com quem fundou e dirigiu o Colégio Andrade, mais tarde Instituto "Brasília Buarque".
    Foi convidado então por Caetano de Campos a ocupar o cargo de Lente em Psicologia, onde permaneceu por mais de 30 anos.
    Foi convidade em 1912 por Altino Arantes, então secretário do Interior para representar o Estado de São Paulo no Segundo Congresso de Instrução Primária e Secundária que se realizou em Belo Horizonte.
    Alguns anos depois foi-lhe confiado à sua direção uma viagem de estudos com um grupo de jovens aos Estados Unidos, cujo sistema de educação foi sempre admirador.


    Em Nova York foram incontáveis suas atividades educacionais, encaminhando estudantes brasileiros às escolas norte-americanas e mantendo um escritório o "Brazilian Bureau of american Education"e o posterior convite de fundar o primeiro "Curso de Português"a fim de difundir o ensino de nossa língua entre os americanos, que julgavam suficientes para suas relações com o nosso país os estudos e conhecimentos do espanhol...
    Fez tudo isso sem a ajuda governamental, numa época em que todas a atenções culturais voltavam-se para a Europa.
    Voltando ao Brasil, onde reassumiu seu cargo de Psicologia e Pedagogia na Escola Normal, fundou e dirigiu com sua filha Mary Buarque a Escola Montessori, onde foram usados os métodos de ensino adquiridos nos estados Unidos.
    Faleceu de umataque do coração no dia do aniversário de sua filha, aos 3 de outubro de 1921.
    Está enterrado na Igreja da Consolação.


    Fonte: Poliantéia Comemorativa dos Cem anos da Escola Normal-pag.93



    Voltar